Contabilidade Online

Dê ao seu cliente o que ele mais precisa e ninguém tomará o seu lugar!

Não tenha medo das mudanças e das novidades, você pode superar até mesmo às suas próprias expectativas!

Hey, contadores e contadoras!

Olha eu aqui novamente…

Hoje trouxe para vocês um assunto muito relevante que vem causando medo e estranhamento em muitos profissionais da área contábil:

A contabilidade online!

Você já se deu conta de que essa modalidade vem conquistando cada vez mais espaço no mercado e tem desbancado muitos profissionais tradicionais?

Muitos contadores se sentem inibidos por conta da grande onda de surgimento das contabilidades online, mas a grande questão é:

Por que você se assusta tanto, mesmo sabendo que o seu serviço pode ser muito mais eficiente?

Agora você deve estar se perguntando: “poxa, Marta, então quer dizer que não tem nenhum motivo para eu não conquistar mais clientes e manter os que já estão comigo há muitos anos?” 

Calma aí, não foi isso o que eu disse! 

Há sim um motivo para se preocupar, mas isso não tem tanta ligação com a qualidade dos seus serviços ou os preços que pratica.

[Você quer saber o único motivo que pode fazer com que você perca, além de muitas vendas, uma grande quantidade de clientes que já fazem parte da sua carteira?]

Então, “vem tranquilo”, que eu preparei um artigo bem legal para você entender essa questão!

Bora lá?   

Entendendo o cenário – tenha empatia!

A internet trouxe muitas facilidades em quase todos os sentidos possíveis, mas criou uma outra coisinha que antes era muito mais restrita: a concorrência em larga escala.

Sendo assim, se antes você competia com outros contadores através do boca a boca com o cliente, agora tem que pensar em uma série de fatores determinantes e capazes de levar seu escritório ao mais alto nível de sucesso, ou ao fundo do poço – e, infelizmente, quando isso acontece, é muuuito difícil reerguer sua empresa e fazer com que ela encontre o caminho do sucesso.

Mas a grande questão é que, acima de tudo, existem fatores que, por si só, são capazes de mudar totalmente a visão que seu cliente tem de você e do seu empreendimento. Afinal, de que adianta ter um site “top”, conteúdo relevante e de qualidade, preço acessível, SEO que te deixa na primeira página dos mecanismos de busca e chamadas sensacionais, se quando o cliente pede para você entrar em contato, ele, além de não entender nada do que você está falando por quê utiliza muitos termos técnicos, ainda não ter uma boa experiência com seu atendimento?

Vamos lá…

[O que você espera de um vendedor quando entra em uma loja para comprar um produto que está precisando muito?]

No mínimo, como consumidor, você deve exigir total atenção, uma boa explicação do produto e que o vendedor dê a você – mesmo que já saiba que o produto vai ser útil – bons motivos para fazer a adesão, não é mesmo?

Agora me diga: se você tem total ciência de que quando se coloca no lugar do consumidor, tem tantos passos que precisam ser seguidos para finalizar a compra, por quê não os segue com seus clientes?

O atendimento, meus caros, é fator determinante em qualquer negociação, e se ele não for muito bem elaborado e colocado em prática, não adianta tentar vender uma mansão por R$1.000,00. Se você não souber como cativar o comprador ou prospect, seus esforços serão em vão!

E tem mais!

É necessário que na sua mente esteja muito claro a persona com a qual você vai trabalhar. Afinal, se seu escritório é expert em contabilidade para oficinas mecânicas, você não pode abordar o cliente – seja pessoalmente ou através de conteúdos em seu site – pensando que está conversando com o dono de uma multinacional, como a FORD. 

Se quer atingir o seu cliente, seja simplista e vá direto ao ponto. Ele precisa saber que você é capaz de entender os problemas dele sem ficar “cheio de rodeios”.

Sendo assim, vou te dar uma dica que vai mudar a sua perspectiva de atuação no mercado contábil e, consequentemente, a forma como seus vão olhar para você daqui em diante:

Seja o parceiro que seus clientes precisam a todo momento. Você não é sócio da empresa, mas em alguns momentos precisará agir como se fosse; o seu papel principal é ouvir o cliente e dar a ele o norte que procura para conseguir resolver os problemas que ele vem enfrentando, ou seja, a sua presença deverá ser muito mais consultiva! Afinal, como Darwin disse: “não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”.

E então, precisa de ajuda para se adaptar e melhorar o atendimento aos seus clientes?

Me chama no “Zap”, eu vou te mostrar o que é necessário para vencer!

 

 

 

Marta Giove

CEO – Grupo DPG

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Grupo DPG?

Somos uma Agência de Marketing Contábil – SP, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @GrupoDPG.Digital

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *