Dicas Sobre Posicionamento Orgânico No Google Para Você Chegar Ao Topo Com Seu Negócio! - Dpg

Dicas Sobre Posicionamento Orgânico no Google para você chegar ao topo com seu negócio!

Você já escutou algo sobre Posicionamento Orgânico por aí? E SEO? Aqui vão algumas dicas para você chegar ao topo do Google sem gastar um centavo.

O Posicionamento Orgânico é a chave para crescer na Internet e conquistar o seu público-alvo! Quer saber o porquê e ainda acompanhar as dicas que temos para você? Então, olha só o que preparei!

Quem não quer ver uma multidão de pessoas entrando no site da própria empresa todos os meses? Muitas vezes, isso só é possível através de campanhas pagas, principalmente para quem não tem relevância na Internet.

Acontece que existe uma forma GRATUITA de chegar ao topo do Google – ela só envolve muito trabalho e acompanhamento, literalmente, constante do que está sendo feito no seu site. Aqui no Grupo DPG, trabalhamos com essa forma gratuita em paralelo às campanhas pagas, aumentando ainda mais a relevância dos nossos clientes diante do Google, é o Posicionamento Orgânico!

Se você já patrocina campanhas e quer conhecer mais sobre o posicionamento não pago do Google, entenda o seguinte: campanhas pagas não se sustentam por si só, o posicionamento orgânico conta, e muito, no resultado final! É como dois trabalhos paralelos com um único objetivo: te levar ao topo!

Se você quer entender como fazemos isso e começar a otimizar seus conteúdos, talvez por ter tempo disponível ou pouco dinheiro sobrando para investir no marketing digital, aqui vão as dicas que você precisa para começar:

1 – Não espere resultados a curto prazo!

Não adianta, não existe toque mágico ou milagre que fará chover leads sobre o seu site. É preciso ter um forte trabalho estratégico por trás de tudo! É justamente para ter resultados mais imediatos que as empresas investem em campanhas pagas.

O Posicionamento Orgânico é algo que se conquista. É preciso batalhar para chegar às primeiras posições do Google, e essa batalha é feita internamente, no seu próprio site.

andy foi embora

Lembra do filme Toy Story, da Disney Pixar? Quando as pessoas não estavam olhando, os brinquedos ganhavam vida e viviam suas aventuras.

Quando VOCÊ não está olhando, os sites que concorrem no mesmo segmento entram em uma batalha mortal, onde alguns poucos sairão vitoriosos. E se o seu site não estiver bem preparado para aguentar a porradaria da concorrência, você sequer vai se ver no Google.

Por isso, é preciso ter preparo, muito preparo! E esse preparo acontece durante muito tempo…

2 – Quanto maior você é…

Maior é a queda. Se você chega às primeiras posições do Google, saiba que não demora para que alguém apareça e tire você de lá! Isso pode acontecer por uma série de fatores – todos associados a uma falta de cuidado com o seu site. Por exemplo, se você recebe uma quantidade fixa de visitantes em uma página específica de serviços do seu site, mas essas pessoas não ficam mais de 1 minuto nela e vão embora, sem sequer acessar outra página do mesmo site ou clicar em uma ação, sua taxa de rejeição começa a subir.

E acredite: a taxa de rejeição é um monstro à espreita, ele vai te pegar de jeito quando você menos esperar!

monstro correndo

A taxa de rejeição aumenta quando alguém entra em um site e não encontra nada útil para si lá dentro. Ela acha o conteúdo irrelevante e simplesmente vai embora.

vazando fora

E não há absolutamente nada que você possa fazer para que o visitante volte!

Quando a taxa de rejeição aumenta, seu posicionamento orgânico no Google cai. É automático!

3 – Tenha um SEO excepcional!

O SEO é fundamental. Pense em um conjunto de práticas que te levará para as primeiras páginas – é disso que se trata o Search Engine Optimization – SEO. O Google e outros portais de busca “lêem” o SEO de determinado site para posicioná-lo. Os que estiverem melhores, vão subindo, os piores, vão caindo.

Mas, como trabalhar bem o SEO e conquistar um bom posicionamento orgânico?

  • Com o Marketing de Conteúdo, postando artigos, colunas e outros tipos de material que sejam congruentes com os objetivos dos seus visitantes e que tenham relevância – que sejam bons;
  • Com a utilização perfeita de Palavras-Chave, escolhendo as melhores para posicionar páginas específicas e textos do seu site no Google;
  • Escrevendo PARA O LEITOR, pois muita gente se confunde quando chega a hora de escrever e acaba enchendo o texto de palavras-chave sem se preocupar com o quão bom aquele texto realmente está, o quão útil ele será para os leitores.

Para garantir que o SEO dos seus textos seja realmente excepcional, busque utilizar palavras-chave de cauda longa. Elas são menos concorridas e segmentam ainda mais o seu conteúdo, aumentando as chances das pessoas certas (qualificadas) te encontrarem!

mestre do seo

Para aprimorar o seu conteúdo:

  • Garanta que a palavra-chave foco esteja presente no título e nas primeiras 100 palavras do texto;
  • Garanta que a palavra-chave esteja na url, sem acentos;
  • Garanta também que a palavra-chave foco esteja na meta description, que pode ter entre 120 e 150 caracteres e como atributo alt da imagem de capa;
  • Coloque links internos, pelo menos 3, e de preferência 1 externo, sem prejudicar a leitura do post ou criar uma porta de saída do seu site.

Gostou das dicas? Então, agora você só precisa aplicá-las. Comece a tornar seu conteúdo mais poderoso a partir daí. Tenho certeza de que você crescerá muito!

Ah, e se precisar de uma mão, tenha certeza de que eu estou aqui, junto com o Grupo DPG, para te ajudar! Vamos impulsionar suas estratégias de Marketing Digital?

Entre em contato comigo!

Siga-nos no Facebook: @GrupoDPG.Digital

marta giove

 

Um forte abraço e muito sucesso…

Marta Giove.
Gerente Comercial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *