Novo Codigo De Etica Profissional Do Contador Entenda O Que Mudar No Seu Marketng Digital Contabil Post - Grupo DPG

Novo código de ética profissional do contador – Entenda o que muda no seu marketing digital contábil!

No dia 14 de fevereiro de 2019 foi divulgado o Novo Código de Ética Profissional do Contador, visando guiar a conduta do profissional contábil no exercício da sua atividade.

Atenção, contador, já faz pouco mais de uma semana que o novo código de ética profissional do contador foi aprovado pelo Conselho Federal de Contabilidade, e essa atualização promete mudar muita coisa na maneira como você faz o seu marketing contábil!

Mas antes de entrarmos nesse assunto, vamos entender com clareza quais foram as principais alterações que esse documento trouxe ao seu dia a dia, e como você pode se preparar para entregar a contabilidade esperada pelos seus clientes, sem ir contra as determinações éticas do CFC!

Quais as principais alterações do Novo Código de Ética Profissional do Contador?

Antes de tudo, é preciso entender que esse documento não é alterado há 8 anos, e, tendo isso mente, o CFC percebeu que o modo de fazer contabilidade mudou — ou pelos menos foi isso que pudemos compreender com as suas alterações.

Sendo assim, confira agora mesmo o que mudou na rotina do seu escritório de contabilidade:

Retenção de Documentos

Se você, de certa forma, punia os seus clientes por não efetuarem os pagamentos no prazo, retendo as suas documentações até que os seus débitos fossem quitados, saiba que essa ação está explicitamente vetada no novo código de ética profissional do contador!

Tanto os documentos físicos quantos os virtuais precisam, necessariamente, estar em posse dos seus clientes quando solicitado.

Afinal, mesmo quando se tratam dos seus clientes “esquecidos”, “complicados” ou “atrasados” na realização dos seus pagamentos, não seria justo deixá-los sem os seus serviços, que são cruciais para a sua permanência no mercado.

Mas isso não te impede de ter uma reunião mais séria para o alinhamento de uma melhor data de pagamento.

Contrato de prestação de serviços é explicitamente obrigatório

Não vou perder muito tempo nesse tópico, pois, você já deve saber que é uma obrigação para o seu negócio prestar serviços mediante a contrato, mas agora o CFC fez questão de discriminar em seu código de ética profissional do contador.

Indicar especializações e serviços já oferecidos

E por falar em contrato, caso seja acordado com o cliente e registrado nesse documento de validade judicial, é possível anunciar os trabalhos já realizados, suas especializações e títulos que possua ou venha a possuir.

Mas agora, vamos entender…

O que mudou no seu marketing digital contábil?

Vamos entender agora o que o CFC vedou e permitiu em suas ações de marketing e como você pode tirar proveito disso:

Não ofereça aquilo que não pode cumprir

Indicar aos seus clientes que possui experiência em dada área de atuação ou capacidade para realizar tal serviço, sem que haja prova disso, é falta de ética e comprometimento com os seus valores.

Por isso, caso venha a divulgar seus serviços e capacidade, seja franco com o seu público-alvo e esteja livre das possíveis penalidades do CFC.

Não insulte ou desqualifique outro contador

Essa é uma regra que já estava presente no código de ética anterior, mas é bom darmos destaque a ela, pois, insultar os desqualificar qualquer profissional contábil não prejudica somente o concorrente, mas toda uma classe profissional.

Estão esteja atento a maneira como negocia e anuncia os seus serviços!

É possível indicar preços e até gratuidade

No início do texto mencionamos que o CFC percebeu uma nova forma de fazer contabilidade, e é essa alteração — ou melhor, exclusão — que indica isso.

No código de ética profissional do contador anterior, era indicado a não utilização da precificação em anúncios e o aviltamento de honorários, informação que agora não está mais presente no documento atual.

Sendo assim, o contador pode discriminar preços e até a gratuidade de serviços, se for o caso, como a abertura de empresa, em suas divulgações.

Essa alteração é uma forma de permitir que o contador possa entregar contabilidade, concorrendo com as alternativas digitais, e estando em contato com o que o empreendedor realmente precisa: uma comunicação clara e transparente, sem agredir os valores dessa profissão tão fundamental para o mercado.

Mas é claro que é preciso tomar cuidado para não mercantilizar as suas relações, contabilidade é algo essencial para o empresário!

Utilize as oportunidades ao seu favor!

Para conferir o Novo Código de Ética Profissional do Contador por completo Clique Aqui.

No entanto, o que percebemos é que o Conselho Federal de Contabilidade se priorizou em estabelecer relações por contrato e dar maior liberdade para que o profissional contábil tenha uma comunicação mais clara com o empresário.

Os valores da profissão contábil devem continuar sendo respeitados, mas de uma maneira mais conectada com a realidade de quem necessita dos seus serviços contábeis.

Portanto, se você está preparado para utilizar todas essas oportunidades ao seu favor, conte com o Grupo DPG para a realização de uma estratégia efetiva, conhecendo as necessidades dos seus clientes!

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Grupo DPG?

Somos uma Agência de Marketing Contábil – SP, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @GrupoDPG.Digital

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *